Trend Coffee - Moda Masculina

Me Dá Essa Pele
ou Moda, sua malvada!
por Gregory Martins
Todo mundo já está sabendo do que rolou ontem via Twitter. A Arezzo publicou uma peça publicitária com o título ‘Pelemania’ e todo mundo ficou revoltadinho.
Poderíamos discutir um dia inteiro sobre isso, mas acredito que o artigo ‘Qual é o problema de usar pele de animais?' do Alexandre Mansur para a Época já solucione todas as dúvidas.
Apenas sinto a necessidade de dividir o público do protesto em dois grupos: carnívoros e vegetarianos. É uma divisão politicamente incorreta… who cares?
Os vegetarianos tem todo o direito de reclamar do uso de peles. Afinal o consumo de soja é uma das melhores maneiras de se aplicar a sustentabilidade, não destruir florestas e nunca, eu disse nunca, usar agrotóxicos. Além da madeira dos seus móveis e as partículas plásticas do seu teclado serem exemplos de cidadania consciente. Sem esquecer, é claro, do bem das grandes plantações causando a morte de vários animais.
Para os carnívoros: está tudo bem, tudo ótimo se o boi é tratado num espaço minúsculo desde que você tenha seu churrasco no fim de semana, né? Tudo bem se a ovelha é criada para o corte do pêlo e possível aproveitamento da carne desde que o seu cachecol esteja no armário. Tudo bem cashmere, alpaca, merino, sintéticos derivados de petróleo… Tudo ótimo!
      
A pele destinada a grandes marcas como a Arezzo é legalizada e passa por uma série de processos, do início do cativeiro até a produção final da peça.
Ainda achamos que um homem barrigudo com uma espingarda sai de manhã e vai caçar coelhos e raposas. Gente, estamos no Brasil. É mais fácil esse mesmo cara capturar um mico-leão e vender para os gringos. Dá mais dinheiro!
Outra visão é de que a moda é vilã. Vamos falar de coisa boa? As pessoas são vilãs. As vitimas da moda merecem terapia. E, sobretudo, a moda parte das ruas. Se algo está sendo feito errado, seja diferente!
O TiposdeHipster twittou hoje ‘Hipster que está contra a Arezzo, mas achou o máximo o vestido de carne da Lady Gaga’. Reflita.
O Bruno Höera twittou ‘A hipocrisia é o novo quero ser cool’. E é mesmo! Hipocrisia de ir no açougue comprar uma pedaço de carne sangrando, mas fazer questão de que joguem a pele fora.
O que é sustentabilidade mesmo? - Moda Masculina

Me Dá Essa Pele

ou Moda, sua malvada!

por Gregory Martins

Todo mundo já está sabendo do que rolou ontem via Twitter. A Arezzo publicou uma peça publicitária com o título ‘Pelemania’ e todo mundo ficou revoltadinho.

Poderíamos discutir um dia inteiro sobre isso, mas acredito que o artigo ‘Qual é o problema de usar pele de animais?' do Alexandre Mansur para a Época já solucione todas as dúvidas.

Apenas sinto a necessidade de dividir o público do protesto em dois grupos: carnívoros e vegetarianos. É uma divisão politicamente incorreta… who cares?

Os vegetarianos tem todo o direito de reclamar do uso de peles. Afinal o consumo de soja é uma das melhores maneiras de se aplicar a sustentabilidade, não destruir florestas e nunca, eu disse nunca, usar agrotóxicos. Além da madeira dos seus móveis e as partículas plásticas do seu teclado serem exemplos de cidadania consciente. Sem esquecer, é claro, do bem das grandes plantações causando a morte de vários animais.

Para os carnívoros: está tudo bem, tudo ótimo se o boi é tratado num espaço minúsculo desde que você tenha seu churrasco no fim de semana, né? Tudo bem se a ovelha é criada para o corte do pêlo e possível aproveitamento da carne desde que o seu cachecol esteja no armário. Tudo bem cashmere, alpaca, merino, sintéticos derivados de petróleo… Tudo ótimo!

      Protesto contra Pele de Animal na Arezzo

A pele destinada a grandes marcas como a Arezzo é legalizada e passa por uma série de processos, do início do cativeiro até a produção final da peça.

Ainda achamos que um homem barrigudo com uma espingarda sai de manhã e vai caçar coelhos e raposas. Gente, estamos no Brasil. É mais fácil esse mesmo cara capturar um mico-leão e vender para os gringos. Dá mais dinheiro!

Outra visão é de que a moda é vilã. Vamos falar de coisa boa? As pessoas são vilãs. As vitimas da moda merecem terapia. E, sobretudo, a moda parte das ruas. Se algo está sendo feito errado, seja diferente!

O TiposdeHipster twittou hoje ‘Hipster que está contra a Arezzo, mas achou o máximo o vestido de carne da Lady Gaga’. Reflita.

O Bruno Höera twittou ‘A hipocrisia é o novo quero ser cool’. E é mesmo! Hipocrisia de ir no açougue comprar uma pedaço de carne sangrando, mas fazer questão de que joguem a pele fora.

O que é sustentabilidade mesmo?




22

Fotos: Divulgação

blog comments powered by Disqus

18, Abril, 2011 l Direitos reservados l 22 likes

Mocca Acessórios masculinos







Faça parte do nosso grupo de leitores











Revista online de moda masculina We Hate Mag